Blog da Paty

MITOS E VERDADES SOBRE A CELULITE

A indústria de cosméticos, equipamentos de cirurgiões plásticos e estéticos são realizados durante anos uma batalha sem fronteiras para acabar com as celulites, em torno da qual são terminado tejiéndose uma série de mitos que foram ganhando força do boca-a-boca. Neste artigo pretendemos esclarecer algumas dessas crenças falsas sobre a celulite, pois isso lhe proporcionará […]

A indústria de cosméticos, equipamentos de cirurgiões plásticos e estéticos são realizados durante anos uma batalha sem fronteiras para acabar com as celulites, em torno da qual são terminado tejiéndose uma série de mitos que foram ganhando força do boca-a-boca. Neste artigo pretendemos esclarecer algumas dessas crenças falsas sobre a celulite, pois isso lhe proporcionará uma melhor perspectiva para lutar adequadamente contra ela.

Mito 1: A celulite aparece com o excesso de peso

A celulite não faz distinção entre as mulheres com excesso de peso ou as mais finas, daí os números que indicam que 85 a 98% das mulheres após a puberdade, sofrem em algum grau. No caso das mulheres magras é determinante o estado de seu sistema circulatório, já que este é o responsável pela eliminação de líquidos e substâncias tóxicas que são gerados diariamente pelo organismo. É frustrante, mas é a realidade, todos nós somos suscetíveis à celulite.

Fotos de mitos sobre como eliminar a celulite

Mito 2: Com a perda de peso se perde também a celulite

A perda de peso pode implicar a perda de tecido adiposo e contorno, mas não celulite. Esta situa-se na parte superior da pele que não foi afetada, mesmo nos casos em que se perdem vários tamanhos. É claro que manter um peso adequado de acordo com a altura e a idade é muito benéfico para não agravar o seu efeito.

Leia também:  7 dicas para controlar pensamentos e sentimento negativos

Mito 3: A celulite piora com a idade

Felizmente para nós, esse mito tão comum, não é nada certo. A celulite tem um componente hormonal importante, que aparece depois da puberdade e diminui com a menopausa, quando ocorre um declínio da secreção de estrogênio no corpo feminino. Os estrógenos promovem a retenção de líquidos e acúmulo de gordura no corpo, depois de uma redução de seus efeitos começam a diminuir consideravelmente.

Como os homens sofrem de celulite?

Mito 4: Os homens não sofrem de celulite

Apesar de que só ocorre em casos isolados (10%, conforme sugerem as estatísticas), os homens também podem ter celulite. Devido a sua relação com as hormonas femininas, a celulite só se apresenta em homens que possuem uma maior presença de estrogênio no corpo (devido a deficiências andrógenas, hipogonadismo, castrados ou porque recebem estrogênio em algum tipo de tratamento).

Mito 5: Existem cremes que podem eliminar a celulite

Ao contrário do que a indústria cosmética nos fizeram acreditar durante anos, oferecendo todo o tipo de produtos para eliminar a celulite, não existe nenhum remédio mágico que tenha provado a sua eficácia em fazê-la desaparecer por completo. Isso significa que qualquer creme anti-celulite por onerosa do que seja, permite obter melhores resultados em longo prazo, por si só, mas podem ser usados como complemento de outros tratamentos.

Você pode eliminar a celulite rápida?

Mito 6: A lipoaspiração é a resposta definitiva

Apesar de sua popularidade, o procedimento cirúrgico de remoção do excesso de gordura epidérmica conhecido como lipoaspiração, não é apropriado para o tratamento da celulite. É uma alternativa que pode ter inúmeros riscos para o sistema circulatório e linfático, além de não resolver esta condição totalmente, já que a celulite pode voltar se o paciente não muda o seu estilo de vida.

Leia também:  Como disfarçar a celulite?

Mito 7: A celulite não se pode combater

É difícil escapar da celulite, é verdade, mas em uma batalha encarniçada a capa e a espada, é possível vencer. Como? Pois, com esforço e dedicação, com um tratamento integral que inclui mudar os hábitos de alimentação, consumo, rotinas diárias de exercícios, massagens, cremes reafirmantes, etc., Em muitos casos, segundo a condição do paciente, pode melhorar a sua aparência, chegando mesmo a deixar a pele como se nunca tivesse existido. Isso sim, não se pode baixar a guarda, porque em qualquer momento pode voltar.

Não encontrou o que busca?

Use o campo abaixo para fazer uma pesquisa.