Como combater a celulite – Conheça algumas dicas

Compartilhe!

Exemplo de como combater a celulite


A celulite é um acúmulo de tecido adiposo na pele, produto de uma circulação sanguínea deficiente que dilata as veias e impede a correcta eliminação dos resíduos tóxicos. Este cenário se manifesta em nosso corpo com o aspecto característico de uma casca de laranja.


As causas desta patologia tão feia podem ser diferentes, mas identificam-se algumas importantes, como a idade (a partir da adolescência), a genética e o sexo (as mulheres são mais propensas por seus sistema hormonal). Se você é das pessoas que sofrem com os ditames da celulite, prepara-te para dizer-lhe adeus com este guia que preparamos para ti, onde mostramos como eliminá-la por completo.


Alimentos para combater a celulite


Uma boa alimentação e prática regular de exercícios, são a dupla perfeita para obter um corpo saudável e uma pele bonita e livre de celulite. Por isso, a nossa dieta deve estar focada na liberação de toxinas e alimentos que impedem a retenção de líquidos no nosso organismo.


As boas práticas alimentares passam por incluir em nossos pratos alguns alimentos como o ovo, o leite e o peixe, ricos em vitaminas e nutrientes que permitem o restabelecimento das fibras de colágeno e prover um metabolismo saudável.


Do mesmo modo, verduras, legumes e frutas frescas, legumes e algumas carnes brancas como o peru e o frango, permitirão desintoxicar nosso corpo e fortalecer os tecidos conectivos. A água, por outro lado, pode ser um bom aliado na remoção das toxinas acumuladas.


Foto de exercícios para combater a celulite


Cremes anticelulíticas


O uso de loções e cremes anticelulíticas apresenta opiniões dividas. Embora muitas pessoas consideram ineficazes seus resultados, estes tratamentos favorecem o fluxo sanguíneo, uma vez que colaboram na remoção de toxinas e gorduras no nosso organismo. Compostas em sua maioria por vitaminas, extrato de algas e cafeína, os cremes anticelulíticas podem demorar vários meses para dar resultados, mas destacam-se por não apresentar efeitos colaterais.


Para complementar o uso destes produtos, recomenda-se empregá-los através de massagens, de preferência durante a noite para estimular a drenagem linfática e reforçar o tecido adiposo. Neste sentido, existem alguns dispositivos de massagem que duplicam os efeitos dos cremes, anticelulíticas, com movimentos que esticam e drenam a pele para tratar as diferentes camadas da pele.


Exercícios para combater a celulite


Quando sudamos, também estamos eliminando toxinas e, claro, perdeu a batalha para a celulite. Os exercícios cardiovasculares, especificamente aqueles que trabalham os nossos glúteos e braços e pernas (agachamento), são ideais para tonificar a pele e endurecer os nossos músculos.


Nessa mesma ordem, existem alguns esportes como o jogging, o ciclismo e a natação, que de não poder realizá-las, podes sempre colocar em prática um treino regular, que inclua rotinas, como bicicletas no ar, lunge ou passadas, abdominais e exercícios aeróbicos.


Tratamentos cirúrgicos


Dentro dos tratamentos para a celulite, a medicina coloca à nossa disposição, e graças aos recursos das tecnologias atuais, uma série de soluções que se destacam pela sua eficácia, não devem ser consideradas como definitivas, sendo necessário combiná-los com os métodos acima descritos. Além disso, será necessário ter em conta que muitos destes tratamentos partem de um adequado diagnóstico, a fim de determinar o que será mais adequado para a nossa situação.


Foto de lipoaspiração para combater a celulite


Lipoaspiração


Trata-Se da técnica mais utilizadas pelos médicos especialistas. O procedimento consiste na introdução de uma agulha succionadora ou cânula, através de uma pequena incisão na área afetada, que pode ser extraída a gordura acumulada. Geralmente, é utilizada anestesia local.


Outras técnicas paralelas incluem o uso de corrente elétrica (celuloliposis) para diluir as acumulações de gordura, ou uma cânula curva (Lipo Jet), muito mais pequena e de maior precisão. Para o caso da lipoaspiração ultra-sônica, o uso de ondas permite remover a gordura sem danificar o resto dos órgãos.


Electroestimulação


Utilizada principalmente em casos de celulite, flacidez e, como o seu nome indica, a electroestimulação utiliza pequenas descargas elétricas com o objetivo de contribuir com a permeabilidade suficiente para o tecido celular e reforçar o fluxo sanguíneo no organismo.


Através de um impulso de corrente alternada de média frequência, esta técnica tem suas variantes em electroporation (que utiliza uma descarga elastopulsada) e que proporciona maior penetração ao processo e, por outro lado, a electrolipólisis, que se baseia no uso de finas agulhas que penetram na epiderme e a reduzir os nódulos de gordura.


Ultra-som (cavitação)


O princípio de ultra-som baseia-se no uso de ondas de alta frequência, tanto nas camadas superficiais da derme, como as mais profundas, e cuja emissão age sobre os tecidos celulares (originando calor e ação mecânica).


O resultado deste massagem em proporções diminutas, dá lugar à formação de bolhas de vapor no líquido intersticial que revientan e transformam a gordura em um elemento muito mais fácil de eliminar de nosso organismo. Por seu baixo nível de complicações e sua baixa invasividade, o ultra-som é uma das técnicas mais utilizadas para eliminar as celulites.


Mesoterapia


A mesoterapia tem a vantagem de que pode ser aplicado independentemente do tipo de celulite que se sofra, podendo ser alterado o tratamento conforme o caso. Após uma injeção de soluções homeopáticas por meio de uma pistola eletrônica, estes elementos atuam sobre as camadas da pele, reafirmando sua consistência e otimizando o metabolismo do corpo.


Cada sessão do tratamento, indolor além disso, vai levar entre dez e quinze minutos, durante seis semanas. Similarmente, a pressoterapia utiliza sacos de ar que alternam os níveis de pressão que estimulam a circulação sanguínea e o sistema linfático.

Compartilhe!

Add Comment