DIETA DA PROTEÍNA FUNCIONA? SAIBA COMO FAZER

A dieta da proteína é uma dieta que elimina ou reduz o consumo de carboidratos e em seu lugar consome-se mais gorduras e proteínas para acelerar o metabolismo.

Recebo muitos e-mails perguntando com dúvidas como: DIETA DA PROTEÍNA CARDÁPIO? DIETA DA PROTEÍNA O QUE COMER? DIETA DA PROTEÍNA ALIMENTOS PERMITIDOS? DIETA DA PROTEÍNA EMAGRECE?

Dieta da proteína

O QUE SÃO PROTEÍNAS?

As proteínas são as macromoléculas que são encontradas em quase todas as células do corpo humano. É responsável pelo crescimento das unhas e dos cabelos, o colágeno da pele, a construção de músculos, ajudam a produzir as enzimas e hormônios, ajudam neurotransmissores e anticorpos, através do sangue transposta as mais variadas substancias pelo corpo, ajuda a repor a energia das células, regula as atividades metabólicas, tem função nutriente.

o que são proteínas

BENEFÍCIOS DA DIETA DA PROTEÍNA

Redução de peso mais rápido.

Pode sobrecarregar o fígado.

Pode provocar o aumento do colesterol.

Prolonga a sensação de saciedade.

Poucas restrições alimentares.

O emagrecimento vem da queima da gordura.

Estabiliza a glicose.

Melhora a capacidade de aprendizado.

Absorve nutrientes com facilidade.

Faz bem aos ossos.

Diminui o cansaço, a fadiga e traz mais energia.

Torna a recuperação do corpo mais fácil e rápida.

Reduz o número de calorias consumidas.

Vegetarianos, veganos, ovolactovegetarianos e intolerante à lactose podem seguir essa dieta tranquilamente.

Essa dieta tem a vantagem de ser a mais fácil para manter o peso.

Ajuda na busca de uma alimentação mais equilibrada.

DESVANTAGENS DA DIETA DA PROTEÍNA

O corte completo de carboidrato pode levar a uma queda brusca de glicose no sangue durante a primeira fase.

É comum sentir tontura, desânimo e perda de memória na primeira fase.

É uma dieta de longa duração.

Alguns nutrientes podem ficar em segundo plano.

Possibilidade de prisão de ventre.

Pode sobrecarregarpara os rins.

Se não for bem feita e bem orientada, o organismo pode entrar em desequilíbrio.

A falta de carboidratos pode levar a queima de músculos ao invés de gordura.

Pode de causar mau hálito.

CONTRAINDICAÇÕES

Não é recomendada para pessoas que possuem problemas renais.

Pessoas que tem diabetes.

Pessoas que sofrem de hipertensão.

DIETA DA PROTEÍNA FUNCIONA?

Sim ela funciona, mas é preciso lembrar cada pessoa é diferente uma da outra o que torna o tempo de obtenção de resultados variável.

DIETA DA PROTEÍNA CARDÁPIO

O emagrecimento desse tipo de dieta se dá pela sensação de saciedade que a proteína nos traz, a redução dos carboidratos e proporciona uma digestão mais rápida.

O cardápio durante essa dieta deve ser feito com muito cuidado, mas traz a vantagem das inúmeras combinações possíveis. Ele é dividido em 3 fases. Observe algumas opções:

Primeira fase corte total de carboidratos (15 dias):

CAFÉ DA MANHÃ:

1ª opção: Leite desnatado com abacate

2ª opção:1 pote de iogurte light, 2 colheres de sopa de granola light e 1 fatia de pão integral com 1 fatia de peru e 2 de queijo branco.

3ª opção: 1 xícara de chá de café com leite desnatado, 1 pão francês sem miolo com 1 colher de sopa de queijo cottage, 1 banana ou ameixa vermelha.

4ª opção: 1 copo de suco light de fruta, 1 pão francês integral com 1 fatia de mussarela light e 1 fatia de peito de peru, 1 pote de iogurte light.

5ª opção: Iogurte desnatado, queijo.

6ª opção: Leite desnatado, 1 ovo cozido.

7ª opção: Vitamina de abacate com leite desnatado.

8ª opção: Iogurte desnatado, queijo.

9ª opção: Leite desnatado, 2 rolinhos de queijo e presunto.

10ª opção: Iogurte desnatado, ovo cozido, queijo.

LANCHE DA MANHÃ:

1ª opção: 3 nozes, 3 damascos,1 queijo fundido light.

2ª opção: 1 maçã ou pera ou kiwi, 1 pote de iogurte light.

3ª opção: 2 torradas integrais com 1 colher de queijo cottage.

ALMOÇO:

1ª opção: Peixe cozido com espinafre temperado com gotas de limão.

2ª opção: Salada mista de agrião, rúcula, alface e tomate, 1 pires de brócolis refogado, 4 colheres de arroz integral, 3 colheres de feijão, 1 filé de peito de frango grelhado, 1 rodela de abacaxi.

3ª opção: Salada mista com 1 prato de tomate, alface-americana e repolho-roxo, 1 pires de escarola refogada, 3 colheres de purê de batata, 2 colheres de sopa de ervilha, 1 filé de carne magra grelhada, 1 fatia de manga.

4ª opção: 1 prato de cenoura e beterraba raladas e pepino e alface-crespa, 1 pires de abobrinha refogada, 3 colheres de sopa de arroz integral, 3 colheres de sopa de grão-de-bico, 1 filé de salmão grelhado, 1 fatia de melão ou abacaxi.

5ª opção: Peixe cozido com espinafre temperado com gotas de limão.

6ª opção:Frango grelhado com salada de pepino, alface, tomate.

7ª opção: Omelete com queijo e presunto, salada de rúcula.

8ª opção: Atum fresco grelhado com acelga.

9ª opção: Peito de frango desfiado com salada de rabanete.

10ª opção: Peito de frango desfiado com salada de rabanete.

11ª opção: Salada de alface, rúcula e pepino com abacate picado e queijo ralado.

12ª opção: Bife grelhado com chicória salteada.

cardápio dieta da proteína

LANCHE DA TARDE:

1ª opção: 3 castanhas + 1 iogurte desnatado.

2ª opção: 6 amêndoas, 1 caixinha de suco de soja light.

3ª opção: 1 barrinha de cereal integral light, 1 pote de iogurte light.

4ª opção: 1 fatia de pão integral com 1 fatia de mussarela e 1 fatia de peito de peru.

5ª opção: 3 castanhas, 1 iogurte desnatado.

6ª opção: Leite desnatado com 2 rolinhos de queijo e presunto.

7ª opção: Iogurte desnatado com linhaça, 2 fatias de queijo.

8ª opção: Suco de limão, ovo e queijo.

9ª opção: Vitamina de abacate.

10ª opção: 3 nozes, 1 iogurte desnatado.

JANTAR:

1ª opção: Salada de atum com aipo, alface, pepino e queijo.

2ª opção: 1 prato fundo de sopa de legumes com carne ou frango, macarrão integral, 1 laranja.

3ª opção: 1 Omelete com 1 gema com 2 claras com tomate picado com cebola com cebolinha, 1 pires de brócolis acelga, couve flor e berinjela cozidos, 1 pera.

4ª opção: 1 prato de folhas verdes, tomate, cenoura ralada, pepino, erva doce ou 2 xícaras de chá de brócolis, couve flor, acelga, abobrinha cozidos, 1 filé de peito de frango ou peixe assado ou cozido ou grelhado, 1 fruta (maçã ou pera.

5ª opção: Salada de atum com aipo, alface, pepino e queijo.

6ª opção: Salmão grelhado com salada de brócolis, cenoura e tomate.

7ª opção: Bife de peru com rúcula, abacate e limão.

8ª opção: Frango cozido com aipo e espinafre.

9ª opção: Omelete com espinafre refogado.

10ª opção: Sopa de aipo com bife grelhado.

11ª opção: Ovo cozido com agrião ao vapor.

Segunda fase permitida a entrada de alguns carboidratos (5 semanas):

3ª semana

Almoço:

Pode-se acrescentar:

1ª opção: 3 colheres de arroz integral, 1 pegador de macarrão integral ou 2 fatias de pão integral.

2ª opção: 3 colheres de lentilha, ervilha, feijão, feijão-branco ou grão-de-bico.

4ª semana

Almoço:

Pode-se acrescentar:

1ª opção: 2 batatas pequenas, assadas ou cozidas.

2ª opção: Meia mandioca.

3ª opção: 1 pedaço de mandioquinha.

4ª opção:2 colheres (sopa) de abóbora + 1 porção de frutas.

5ª semana

Café da manhã:

Pode-se acrescentar: 1 fatia de mussarela, 1 colher de margarina ou manteiga light.

Na terceira fase os carboidratos são liberados.

Manter o peso e buscar uma alimentação equilibrada

POR QUANTO TEMPO DURA A DIETA?

Não existe um término em si, mas, o ideal é que dure no máximo 1 mês. Essa dieta é uma forma de obter uma nova rotina alimentar. Se você voltar aos hábitos anteriores depois de ter perdido a quantidade de peso desejado, a dieta de nada vai valer. O grande benefício dessa dieta é a transição para uma alimentação equilibrada.

Obs.: Tome no mínimo 2 L de água por dia.

DIETA DA PROTEÍNA CARDÁPIO SIMPLES E BARATO

Outra vantagem de ter variados tipos de alimentos que se encaixam nessa dieta, é o fato de poderem ser facilmente encontrados e trocados por versões mais baratas e práticas.

CAFÉ DA MANHÃ:

1ª opção: Leite desnatado com abacate.

2ª opção: Iogurte desnatado e queijo.

3ªopção: 2 fatias de pão integral com 1 colher de requeijão light, 1 maçã, 200 ml de suco de manga.

4ªopção:1 fatia de bolo de limão, 1 xícara de leite desnatado.

5ªopção:1 copo de leite desnatado, 6 bolachas de maizena.

ALMOÇO:

1ª opção: Peixe cozido com espinafre, temperado com rodelas de limão.

2ªopção: Frango grelhado com salada de pepino, alface e tomate.

3ªopção: 1 bife grelhado, legumes refogados, salada de tomate, 2 colheres de arroz integral, 2 colheres de feijão.

4ªopção:2 colheres de arroz integral, 1 omelete com recheio de frango desfiado, 1 concha de feijão, salada verde.

5ªopção: Ovo cozido, agrião a vapor.

LANCHES:

1ª opção: 3 castanhas, um iogurte desnatado.

2ª opção: Leite desnatado com 2 rolinhos de queijo e presunto.

3ªopção:2 fatias de pão de integral light, 1 fatia de queijo minas.

4ªopção: Ovo e queijo com suco de limão.

5ªopção: 4 maçãs.

JANTAR:

1ªopção: Salada de atum com aipo, pepino, alface e queijo.

2ªopção: 1 torrada integral, 1 ovo cozido, 2 colheres de macarrão integral, 2 colheres de peito de frango.

3ªopção: Salmão grelhado com salada de cenoura, brócolis e tomate.

4ªopção: 1 prato raso de sopa de carne com legumes.

5ªopção: frango cozido com espinafre e aipo.

DIETA DA PROTEÍNA: O QUE COMER?

Durante a dieta da proteína os tipos de alimentos mais importantes são os que possam proporcionar mais de 40% de proteínas diárias para nosso corpo. Esses alimentos são peixes, frutos do mar,carnes, derivados do leite, verduras,legumes, sal, ovos, omelete, gelatina dietética, pimenta, azeitona com tempero, azeite, manteiga, margarina, limão, jiló, chá, café descafeinado.

DIETA DA PROTEÍNA PASSO A PASSO

Antes de começar é importante buscar um nutricionista para não prejudicar a saúde. Com um nutricionista que pode calcular seu índice de massa corporal e indicar as melhores combinações devido as suas preferencias e/ou suas restrições.

Nesse período pode haver efeitos colaterais comoo excesso ou fata de nutrientes pode levar à problemas nos rins, queda de cabelo, dor de cabeça, tonturas e desmaios. Pois faz essa dieta a quantidade de carboidratos sofre uma queda muito brusca, eliminando pães e bolachas do cardápio.

O consumo diário tem de ser equilibrado com 1000 calorias e intervalos de 3 em 3 horas.

Não se deve comer em excesso.

Os cardápios devem ser seguidos à risca.

É necessário, fazer atividades físicas como: caminhada, corrida, andar de bicicleta.

Alimentos industrializados devem ser evitados.

É importante uma boa noite de sono.

A dieta deve conter os alimentos de sua preferência.

Pesquise muito para saber quais os alimentos que realmente se encaixam na dieta proteica.

Não caia em tentação! Siga comendo só os alimentos indicados no seu cardápio.

DIETA DA PROTEÍNA: O QUE PODE COMER?

Os alimentos permitidos são os alimentos que possuem muitas proteínas unido de alguns legumes, verduras e frutas que possuem poucos carboidratos. Exemplos: Leite desnatado, queijos brancos, iogurte desnatado, carne magra, peixe, ovo, presunto, acelga, couve, espinafre, alface, rúcula, agrião, chicória, cenoura, repolho, tomate, pepino, rabanete, azeite, castanhas, nozes, amêndoas, sementes como chia, linhaça, gergelim, abóbora, girassol, abacate, limão, pimenta vermelha, canela em pó, gengibre, chá verde, frango, bacalhau, salmão, camarão, presunto, pepino, nabo, palmito, jiló, escarola, salsa, espinafre, cogumelo, azeite, carambola, melão, melancia, abacate, morango, pêssego, etc.

A dieta pode continuar de 15 em 15 dias com 3 dias de intervalo.

ALIMENTOS PROIBIDOS:

Os alimentos que são proibidos na dieta são os que possuem uma grande quantidade de carboidratos: pão, macarrão e arroz que não seja integral; farinha refinada integral; massa; mandioca e mandioquinha; grão-de-bico; milho; açúcar branco e mascavo; doces; bolos feitos com farinha, refrigerantes; sucos industrializados; água de coco; sorvete; batata; batata-doce; abóbora; azeitona; granola; aveia; queijo amarelo, salame, mortadela; água com gás; passas, damasco, ameixa; castanha, noz, amêndoa, feijão, lentilha, ervilha, uva, figo, coco, marmelo, nêspera, tâmara, tamarindo, caqui, bebidas alcoólicas, quibe, mel, melado, pudim, chocolate, salsicha,etc.

TIPOS DE DIETAS DA PROTEÍNA

Os tipos de dietas de proteína mais conhecidas são: Dieta Atkins, Dieta de South Beach, Dieta da Zona, Dieta Poder da Proteína, Dieta Sugar Busters, Dieta Stillman, Dieta das Cavernas, Dieta Paleolítica, Dieta Dukan, Dieta da USP Original e Dieta Detox.

Na dieta de proteína é imprescindível a consulta com um nutricionista. Não tente criar cardápios sozinho.

Artigos relacionados:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on tumblr